segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Pitr Paksha - Quinzena de Adoração aos Ancestrais






Antes do Grande Festival da Deusa realizado no Outono, conhecido como Chaitra NavaRatri, nós nos dedicamos à adoração aos ancestrais durante o Pitr Paksha, a quinzena lunar dedicada á esta prática que acontece (em 2016) no período de  23 de Março até o dia 06 de Abril (Amavasya). Nestes dias vamos relembrar com carinho nossos ancestrais, meditar sobre suas vidas e seus anseios e sobre como eles nos ajudaram à conquistar todos os nossos objetivos e a estar aqui, em adoração, nos dias de hoje. Vamos rever fotos antigas, lembrar bons momentos e estórias que nos foram contadas e, quem sabe, preparar alguns pratos que eram apreciados por nossos avós e bisavós. Reviver nossa história pessoal é prestar gratidão à todos aqueles que nos antecederam.



Uma prática interessante para estes dias é oferecer “Tarpanam” aos nossos ancestrais. Esta pequena cerimonia pode ser feita por todos. Para o devoto os  preparativos são bem simples: basta dispor de um pequeno vasilhame, tipo um copinho descartável, e uma pequena colher também descartável. Preencheremos este copinho com agua da fonte mais pura possível, podemos usar agua mineral e alguns grãos de gergelim negro. Podemos então recitar uma volta (108 vezes) de JapaMala do Mantra de nosso Ishta Deva que é o nosso ideal de Perfeição (Durga, Ganesha, Kali, Shiva, Krishna ...) e à seguir os seguintes Mantras:



ॐ पिता स्वर्गः पिता धर्मः पिता हि परमं तपः 

पितरि प्रीतिमापन्ने प्रीयन्ते सर्वदेवताः 

om pitā svargaḥ pitā dharmaḥ pitā hi paramaṁ tapaḥ   |

pitari prītimāpanne prīyante sarvadevatāḥ   ||


“ OM, meus ancestrais são o meu paraíso. Meus ancestrais são o meu Dharma. Meus ancestrais são a minha mais elevada austeridade. Meus ancestrais estão satisfeitos, todos os Deuses estão satisfeitos. “



Então, com a colher, uma pequena quantidade da água consagrada (Tarpanam) é oferecida ao solo ou sobre um pequeno pires de barro. O restante do que foi preparado pode ser lançado num jardim ou canteiro, ou ainda aos pés de uma árvore bem frondosa. O Sadhaka, aquele que foi iniciado no Dharma e mantém disciplinas espirituais regulares, pode oferecer Tarpanam junto com as práticas do Sandhya Vandanam ,  usando os artigos rituais condizentes com a situação – Kosha e Koshi ou vasilhames de metal apropriados. Lembremos que esta prática é muitissimo importante para aqueles que se dedicam a Kapala Sadhana e outras disciplinas espirituais semelhantes.

Na noite de 06 de Abril celebra-se o MahaLaya que simboliza a Grande Dissolução anterior à criação de um novo Universo, que manifesta-se através do NavaRatri. Esta noite é muito especial para a realização de determinados rituais Tantricos.

È só depois deste período de reflexão e de prática de gratidão que a Deusa é adorada em sua magnifica manifestação como MÃE. Seguindo o calendário litúrgico teremos então o Chaitra NavaRatri, as nove noites da Deusa, começando no dia 07 de Abril de 2016. Jaya Maa, Louvada seja a Mãe do Universo.

Nenhum comentário: